Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




eram jogos

por Lhuna, em 10.06.12

meus e teus.

paramos de jogar.

nem sei qual dos dois foi.

nem porquê.

paramos e quero-te de volta.

Tags:

publicado às 20:30


21 comentários

Sem imagem de perfil

De ariana a 11.06.2012 às 13:51

experimenta, só a experimentando é que conseguirás perceber se vale ou não.
Imagem de perfil

De norma christina a 11.06.2012 às 16:59

ninguém é perfeito. o que aconteceu aos tais "amigos"? tenho pena que tenha acabado, quem sabe ainda há futuro...
como é que ele é?
Imagem de perfil

De agnes hope a 11.06.2012 às 17:47

é bom que os favoritos não tenham limites. os teus textos estão-me a encher aquilo tudo. x)
adorei.
Imagem de perfil

De Tyla a 11.06.2012 às 18:12

o problema dos jogos é que nos fartamos ...
Imagem de perfil

De norma christina a 11.06.2012 às 18:25

às vezes temos que nos afastar das pessoas mesmo na altura gostarmos de estar na companhia deles.
mas porquê que tudo acabou?
fala-me dos dois, sim?
Imagem de perfil

De norma christina a 11.06.2012 às 20:54

também já tive amigos desses, não posso considerar que não fossem realmente meus amigos, só achei que havia alturas em que deixava de ser eu para passar a ser a pessoa que condizia mais naquele grupo; naquele grupo era mesmo a mais novinha e então o meu amigo protegia-me muito.
mas ela envolveu-se com quando tu ainda namoravas com o L? claro, percebo, era um espaço muito pequeno. Isso não te torna igual a eles, é mentira aquele ditado do “diz-me com quem andas e dir-te-ei quem és”, porque ninguém nos obriga a nada.
lado positivo, sentiste-te amada e passaste por bons momentos e foi apenas ele que te fez passar por eles. o negativo esquece. quando damos por ela já não sabemos como é que aquela pessoa entrou na nossa vida, devagar devagarinho passou a ser muito importante. agora precisam de se reconstruir, é mais ou menos isso? É bom sentirmo-nos outra vez nós mesmas.
Imagem de perfil

De agnes hope a 11.06.2012 às 21:09

sinceramente, acho que foi uma das coisas que mais me orgulhei escrever. não deu um resultado excelente, mas está razoável.
eu sei que tenho muita coisa tua nos favoritos, e acho que isso quer dizer alguma coisa: escreves impecavelmente! :)
Imagem de perfil

De norma christina a 11.06.2012 às 21:14

porque eles continuam a terem-se uns aos outros enquanto que tu perdeste-os a todos, foi um reiniciar forçado, daí teres posto certas coisas em causa.
ah, desculpa eu troquei pensei que o rapaz antigo é que era o L, foi mau… mas é uma pessoa muito amiga, percebo. é tão mau quando isso acontece, como é que uma pessoa nossa “amiga” sabendo que nós gostamos de uma pessoa envolve-se com ele, justamente com ele, epá não consigo perceber. não é fácil, e ainda para mais não arranjaste assim mais nenhum amigo, faz falta um apoio. eu não percebo pelo que aquilo que passaste, mas não é justo disser que é superficial, porque são coisas que nos vão matando por dentro, é terrível. parece-te que não estás a fazer sentido porque a situação não tem ordem, nada tem lugar, pelo menos não no sítio certo.
Imagem de perfil

De norma christina a 11.06.2012 às 21:30

mas também do resto do grupo ninguém via que estavas mal, porra! não percas tempo a pensar nela, é certo que quando pensamos vem-nos à cabeça destas coisas, daquilo que nunca ninguém fez por nós.
era comodidade, mas claro que ainda havia mais coisas. e veio pedir-te ajuda, é preciso ter lata. mas não acreditavam como?
eu sabia que nos posts havia sempre coisas debaixo do tapete. há coisas que estão mesmo claras, é aquilo, mais ninguém lhe pode acrescentar coisas, estão lá, mas depois tens coisas misteriosas, bonitas aos nossos olhos mas que escondem tristeza e dor por baixo. fez-te renascer para a Mulher que és hoje, fizeste t muito.
Imagem de perfil

De norma christina a 11.06.2012 às 21:48

continuo sem perceber como eles deixaram-te tão desamparada.
isso das pessoas nos conhecer às vezes faz-nos bem é coisas novas, mas claro que é sempre bom ter aquela pessoa que já sabe como é que reagimos e tudo mais. há tempos que tudo o que quero é um bocado de atenção, de ser ouvida, às vezes as pessoas estão a falar comigo e não me ouvem realmente e ele quer atenção, dá-lhe :)
isso de alarmar muito quem sai a perder é a própria pessoa, mas ele deve ser divertido. medos e perguntas em relação a quê, ao L.?
uau, estou a sentir-me muito importante, nunca pensei que estivesses a contar isto a primeira vez a alguém, e eu em vez de estar calada, não, coscuvilheira não paro de fazer perguntas, burra burra.

Comentar post





"I was never insane except upon ocasions when my heart was touched"
- Edgar Allan Poe


Segmentos Ativos

♦  Aparte Cinematográfico
♦  Gostei e Partilhei